Agape do Brasil
Atendimento: (11) 2476-9453
Cadastre-se | Agape Do Brasil    Facebook | Agape Do Brasil Twitter | Agape Do Brasil You Tube | Agape Do Brasil Linkedin | Agape Do Brasil Google Plus + | Agape Do Brasil Blog | Agape Do Brasil

Negócios DE Família x Negócios DA Família


Manoel Knopfholz
Oriundo e nascido em Empresa Familiar, Manoel Knopfholz acumulou vasta experiência nesta área. Advogado e Professor Universitário há mais de 39 anos, é especialista em Empresas Familiares onde tem exercido funções executivas e diretivas, além de integrar o Conselho de Governança em muitas delas. Em Curitiba, foi o fundador do IBMEC, integrante do Conselho de Administração da URBS, Diretor da FAE Business School, atualmente é Diretor do Núcleo de Ciências Humanas e Sociais e Coordenador do Comitê de Assuntos Internacionais da Universidade Positivo, além de Diretor e Sócio da BRAIN Bureau de Inteligência Corporativa. Por entender a relevância social, familiar e econômica das Empresas Familiares adotou a causa da migração das Empresas Familiares para Famílias Empresárias no sentido de repassar a sua vivência, estudos e conhecimento para a preservação e perpetuidade das mesmas por gerações e manutenção dos legados dos seus fundadores



Almoço familiar de domingo. Pai, mãe e dois filhos à mesa. O assunto da conversa gira em torno da loja onde todos trabalham. De repente, a refeição começa a ficar indigesta quando um dos irmãos queixa-se do outro, acusando-o de não cumprir as suas responsabilidades no negócio familiar. O segundo questiona com que autoridade o primeiro o julga. Pai e mãe, constrangidos, tentam reconduzir a conversa para assuntos de interesse familiar – os estudos dos filhos, suas amizades e outras amenidades dignas de um leve e delicioso encontro entre pais e filhos.

Este é um cenário clássico no qual há uma evidente interposição entre os Negócios DE Família e os Negócios Da Família. Relações familiares – DE Família – trazem consigo uma carga afetiva enorme, de cunho emocional, que não podem ser traduzidos no plano material como nos DA Família. Os vínculos entre pais, filhos, cônjuges, irmãos e outros tantos graus de parentesco são movidos por amor, ódio, carinho, inveja, ciúme e outros sentimentos poderosos que invariavelmente gravitam entre os que são (ou deveriam ser) próximos.

Caim e Abel são exemplos bíblicos e a obra de Shakespeare é fértil neste tema

MESMAS PESSOAS. LÓGICAS DIFERENTES. PROCESSO JUSTO PARA TODOS.

Por sua vez, os elos patrimoniais e empresariais são fundamentados em medidas econômicas e financeiras, por lucros e valorizações, tendo sempre uma medida material.

Daí porque é preciso não confundir os Negócios DA Família com os Negócios DE Família. São de lógicas e expectativas diferentes e por isso mesmo devem ser percebidos de modo distinto entre si. É evidente que não é uma tarefa fácil para o núcleo familiar que é proprietário de uma empresa e possuidor de um patrimônio.

O recomendado é a transformação da Empresa Familiar em Família Empresária. A perspectiva que se terá de cada uma delas é diferente quando estabelecido o sentimento de pertencimento de cada um dos familiares tanto na Família como na Empresa e no Patrimônio.

Para que isso aconteça  é imperativo que se valorize de forma equilibrada tanto a importância dos vínculos familiares e de parentesco, como os do patrimônio e os empresariais.

A experiência de muitas práticas tem demonstrado que isto é tecnicamente possível por meio de mecanismos com o Protocolo Familiar, Acordos Familiares, Patrimoniais e Empresariais, entre outros.

Decodificar as reações e normatizá-las não é difícil. No entanto, é preciso a sensibilização de que este movimento precisa ser feito, sob pena dos Negócios DE Família e os DA Família serem autofágicos entre si, de modo a não perpetuarem-se nem os valores familiares e nem os negócios empresariais e patrimoniais.

É fundamental que em determinado ponto das relações entre os integrantes do núcleo familiar, seus integrantes percebam que os Negócios DA Família não são mais importantes que os Negócios DE Família e vice versa. É vital compreender que o prevalecimento de um sobre o outro significa ficar sem Família, sem Empresa e sem Patrimônio.






Digite sua busca:



FAMÍLIA, PATRIMÔNIO E EMPRESA – OS TRÊS ATIVOS DA FAMÍLIA EMPRESÁRIA
Negócios DE Família x Negócios DA Família
Uma Família – Diferentes Papéis
Por que tornar-se uma Família Empresária?
Os 5 D’s da Família Empresária
Opções para preservação da Família Empresária
Criação de Conselho das Novas Gerações
A IMPORTÂNCIA DO AGENTE DE MUDANÇA NAS FAMÍLIAS EMPRESÁRIAS
Reflexões quanto ao futuro das Famílias Empresárias no Mundo
O Protocolo Familiar

Facebook | Curtir



REDES SOCIAIS

Facebook
Facebook
Twitter
Twitter



Linkedin
Linkedin
Youtube
Youtube



Agape do Brasil

AGAPE DO BRASIL
R. dos Três Irmãos, 201 - sala 56/57
Cep: 05615-190 – Morumbi - São Paulo - SP
Telefone: 11-2476-9453 | 98533-2998


© 2017 AGAPE DO BRASIL - Todos os direitos reservados.
Agência Criativa Imagem | Publicidade | Criação de Sites